Google+ Estórias Do Mundo: Moira

terça-feira, 3 de abril de 2012

Moira

, em Natal - RN, Brasil
A lágrima rola. Resultado da sensação de vazio que me toma. Olho pela janela do ônibus e tento respirar fundo. Vejo uma folha de papel, amassado, alguma propaganda de uma loja de móveis. Outra lágrima cai. Desce pela bochecha e molha minha barba. Não olho para ninguém que está no ônibus, não quero que ninguém veja que estou chorando, olho para baixo, mas um soluço me escapa, e eu sinto olhares sobre mim, pode ser apenas minha imaginação, no entanto, mantenho meus olhos baixos com medo de comprovar a verdade. Outra lágrima brota. Sinto-me sozinho, derrotado, sem nenhum futuro pela frente. Penso no caminho já trilhado até aqui, o quão árduo foi e como não valeu a pena. A quarta lágrima junta-se as outras. Penso na morte. O quão bom seria se um acidente tomasse minha vida naquele instante. Como eu não faria falta, porque sou daqueles que são invisíveis e que não fazem diferença na vida de ninguém. Sinto-me covarde. Eu deveria ter coragem de terminar com tudo. E não esperar que algum deus benfazejo corte o fio da maldita moira.  Desejo a morte. Uma lágrima escorre. E eu encosto minha cabeça no vidro sujo do ônibus. Fecho os olhos e ouço o motor que acelera e pessoas que conversam. E tento me acalmar. 

38 comentários:

  1. "Penso na morte. O quão bom seria se um acidente tomasse minha vida naquele instante. Como eu não faria falta, porque sou daqueles que são invisíveis e que não fazem diferença na vida de ninguém. Sinto-me covarde. Eu deveria ter coragem de terminar com tudo. E não esperar que algum deus benfazejo corte o fio da maldita moira."

    Para mim a covardia se configura na falta de ânimo para viver!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pra mim covardia se configura em não fazer a ÚNICA COISA POSSÍVEL para resolver o problema.

      Excluir
    2. Também penso isso.Quem diz que suicídio é um ato de covardia nunca colocou as duas pernas do lado de fora da grade da varanda do seu terraço (meu caso) para saber quanta coragem requer pular.Não tive essa coragem, aliás dizem alguns psicólogos que quando "tentamos" nos matar é porque não queremos morrer.E concordo.Por algum motivo que nem nós mesmo conhecemos ou por simples medo de morrer escolhemos não fazê-lo.Talvez seja da nossa natureza tentar nos mantermos vivos a qualquer custo.

      Não vejo o suicídio como algo nobre, assim como não vejo nobreza nenhuma em viver infeliz.No final das contas o suicídio é apenas uma escolha.Há os escolhem permanecer vivos acreditando na possibilidade de um dia verem um raio de sol de felicidade que seja e os que preferem acabar logo com vida e ir rumo ao desconhecido.

      Não sabemos o que vai acontecer quando morrermos e também não sabemos o que acontecerá conosco se continuarmos vivendo.Viver na pior das hipóteses se configura em uma longa e difícil espera.Morrer ninguém sabe.

      Excluir
    3. E um adendo: Se não sabemos o que nos acontece após a morte, não é possível afirmar que o problema será resolvido.

      Excluir
    4. agora sim a discussão está chegando a algum lugar. isso sim foi um comentário que acrescenta alguma coisa.

      Excluir
  2. Peraí... vou te mandar o Ovo do Mickey antes que uma sexta lágrima role por esse rostinholindodemeuDeus! Hugz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado pelo elogio, Fred. de verdade.

      Excluir
  3. Putz, e eu que pensei que estava triste hoje! Se Natal não fosse tão longe eu ia te convidar pra tomar umas cervejas. Camarão tem aí, né?

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tem sim, querido, mto. e é barato. obrigado por se prontificar assim.

      Excluir
  4. Calma. Força. Sinta meu abraço que mando daqui. Vai passar, eu torço por isso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. será que vai passar, amigo?

      Excluir
    2. Tudo passa amigo, quando a gente menos espera. Chorar é bom, Pq desafoga o sentimento ruim de dentro da gente. Não vou dizer que vc um dia vai rir disso tudo, pois é exagero e grosseiro. Mas um dia vc vai lembrar o quanto sofreu pra ficar bem.
      Um beijo
      Dramma

      Excluir
    3. não entendi a parte do exagero e grosseiro, Dramma, mas obrigado pelos votos...

      Excluir
  5. Oi ... Estava torcendo muito para que suas agruras da vida tivessem sido deixadas para longe. Nunca pensei em ceifar, o que ganhei de graça e com o único intuito de desenvolver e melhorar, a vida. Me espanto e entristeço quando leio essa sua forma em expor essa vontade. Me pergunto o que acontece contigo? Levanta a cabeça ... O mundo é igual a sutiã ... Meta os peitos. Procure achar sua estrada e siga por ela. Vai encontrar cidades bonitas e boas pra se morar assim como encontrará cidades que serão farrapos. Vai depender de você escolher onde vai querer se estabelecer. É teu o livre arbítrio. Mas faça alguma coisa para sair do lugar. Afinal, tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu ... Mas não são todos os dias. Abraços pra você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado de verdade pela torcida, mas infelizmente não foi o que aconteceu, mas, na verdade, as coisas não tem piorado, está uma constante ruim sabe? vc me pergunta o que acontece comigo: o que acontece é que eu tenho uma vida ruim, sem emprego, amor e amigos distantes, a qual não vale a pena. vc fala em encontrar minha estrada e seguir por ela, eu já tentei várias estradas e todas eram iguais. este é o problema, meu desejo de morrer é porque eu não tenho porque continuar em nenhuma estrada pq todas elas são iguais. será que você me entende?
      ah, tem outra coisa, eu me sinto como qm partiu ou morreu todos os dias sim.

      Excluir
  6. De todas as suas 'estórias', esta foi a que mais me fez pensar.Cara, realmente eu me senti na sua pele... Isso já aconteceu com quase todo mundo. E dói. Você se sentira sozinho no mundo, e de fato estará. Você não terá absolutamente ninguém para chorar no ombro e se sentir confortável. Foxx, você vai sofrer muito mais do que já esta sofrendo. Não pense que o pior já passou, ele ainda esta por vir. Seu coração e alma passarão por provações bem maiores, só pra provar pr'a num sei que malditos, que você merece ser feliz. Ti cuida. ABRAÇOS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. gente, de verdade, isso foi uma praga? uma ameaça? uma previsão? uma profecia?

      Excluir
    2. kkkkkk... Meu lindo, seguinte: conhece o livro de São Cipriano? Então, pega duas cabeças de alho, um rosário de contas verde musgo, um crucifixo de bronze e começa as suas rezas! Esconjuro... (kkkkk)... pior ainda? To brincando, heim... a vida é doce, você ainda vai ver!

      Beijos!

      Excluir
    3. deixa eu anotar aqui essa receita...
      =)

      Excluir
  7. Há alguns anos atrás passei por uma situação "negra'. Naqueles dias "ENTENDI" por que algumas pessoas pensam em suicídio. Se eu já não fosse equilibrada o suficiente teria mais que entendido. Mas não vale a pena, A vida tem desses contratempos e é vivenciando-os e analisando-os à exaustão, por todos os ângulos é que saberemos como pelo menos contorná-los. Faça isso Foxx.Você tem o nome de um dos personagens mais influentes do sec.XX,Você sabe disso. Lute como ele e vença. Força Foxx.Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, analisar por todos ângulos eu tow fazendo mesmo. hehehe à exaustão como vc disse.

      Excluir
  8. Não fica assim!
    =////

    Mas sabe q eu já tive essa sensação de desejar q a morte acabasse com tudo?
    Mas acho q o importante é não deixar q ela fique.

    Um abraço virtual. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, qrido, obrigado pelo abraço. de verdade.

      Excluir
    2. =)
      Foi bem forte, apertado e aconchegante.
      De verdade.

      Excluir
  9. Perdoe-me, mas realmente não sei o que te dizer.

    Mas consigo entender, mesmo que não totalmente, o que você está sentindo.

    E, por isso, só posso te oferecer um abraço amigo.

    Fique bem, Foxx. Não sei como. Não sei quando. Mas é o que quero para você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pra qm não sabia o que dizer, vc falou mto bem.

      Excluir
  10. Todos os dias que vou e volto para a faculdade sinto a mesma coisa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. então querido só posso te oferecer meu ombro e meus ouvidos para lamentarmos juntos.

      Excluir
  11. eu só queria ter metade da noite que vc teve no post anterior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se vc saisse de casa talvez tivesse até noites melhores que a minha...

      Excluir
  12. FOXX, estou meio sumido do blog, e pulei o último post por uma questao de tempo e me deparo com este. Já vi textos assim várias vezes no teu blog e sempre te falo a mesma coisa. Calma, passa, as coisas melhoram.

    Agora é o seguinte, uma coisa mudou minha vida, sair do país para estudar, vc é SUPER INTELIGENTE, recomendo buscar um mestrado fora, uma pós, um doutorado, sei lá. Várias vezes tem bolsas. Sai do país, vai aproveitar outro clima e divirta-se querido.. Sério, acho que vc vai amar e vai mudar o foco e isto pode trazer tantaaaaaaaaaaa coisa boa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Otávio, meu querido Otávio, e se eu te disser q eu tenho doutorado já? o que vc me diz? e se eu te disser q eu não sairia do país porque lá eu passaria exatamente pelas mesmas coisas que estou passando aqui pq não adianta fugir como eu fiz quando fui morar em BH? e se eu te disser que não adiantaria em nada?

      Excluir
  13. Foxx este post me fez pensar na música There's a light that never goes out dos Smiths..... Foi a trilha sonora que meu cérebro criou ao ler suas palavras.

    ResponderExcluir

" Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente."

Ernest Hemmingway