Google+ Estórias Do Mundo: Lentamente

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Lentamente

, em Natal - RN, Brasil
Eu não queria contar sobre o menino que, segundo os leitores do blog, paquerou comigo na boate e não retornou as mensagens que mandei para ele, eu mandei duas; também não queria falar sobre eu não ter recebido nenhum presente da Luziara, isto é, não ter conhecido ninguém porque era o que todos esperavam, não era? Eu não quero falar sobre isso. Não quero falar sobre as coisas que me incomodam para não parecer vítima, como todos me acusam por aqui.
Prefiro contar que eu fiz um colar com os fios de um antigo fone de ouvido e uma pedra de quartzo-rosa para curar meu coração ferido, também procurei terapias alternativas para isso, reiki e cura eletrônica para curar meu chacra cardíaco. Também prefiro contar que quando o sol entra em Leão, os leoninos ganham um brilho extra e eu não saio mais de casa sem perceber três ou quatro homens que me devoram com os olhos, algumas mulheres também. Contudo, neles reparo mais. Vejo-os embaraçados, algumas vezes, com vergonha de não conseguir tirar os olhos de cima de mim, já outros me deixam é ruborizado pelo olhar insistente apesar de sua filha estar sentada no seu colo, conversando com ele.
Sabe o que eu prefiro mesmo? Recitar Fernando Pessoa: "O poeta é um fingidor. Finge tão completamente que chega a fingir que é dor, a dor que deveras sente. E os que leem o que escreve, na dor lida se sentem bem, não as duas que ele teve, mas só a que eles não tem. E assim nas calhas de roda gira, a entreter a razão, esse comboio de corda que se chama coração". Prefiro não imaginar como seria se eu começasse a mentir aqui no blog. Poderia dizer agora que a Luziara tinha me apresentado um cara incrível, ou que o moço da boate tinha respondia a mensagem e começar a escrever a vida que eu gostaria de estar vivendo hoje em dia. Eu poderia, mas não quero fazer isso.
Prefiro falar do Arte da Ficção que estou lendo no caminho do trabalho para casa e de casa para o trabalho porque meu fone de ouvido resolveu quebrar, agora eu não sei se gasto mais com um fone mais caro, será que eles são mais resistentes mesmo? Prefiro falar das irmãs Brontë, Charlotte, Emily ou Anne, ou de O Apanhador no Campo de Centeio. Ou podemos falar de Surpreendentes X-Men, do fim do casamento da Tempestade ou da confirmação que o próximo filme dos X-Men se baseia em Dias de Um Futuro Esquecido. Mas não quero falar que minha orientadora tem dito que provavelmente serei reprovado com a tese que escrevi e que ninguém tem comprado Espartanos.  
Prefiro contar que eu morri de vergonha, outro dia, porque depois que cheguei em casa percebi que o celular estava tocando por causa do fone quebrado, e todos no ônibus estava ouvindo o Queen tocando alto no meu celular. Prefiro contar que estou fazendo aula de canto, e ensaiando Love of my life, do Queen; Sina e Te Devoro de Djavan, e participando de dois corais, e que em setembro participarei da mostra de primavera da escola de música que participo e vou cantar as três músicas acompanhado pelo professor de violão, e que o coro vai se apresentar somente em outubro, enquanto o outro coral vai cantar no próximo dia 23 de agosto.  
Eu prefiro contar que, pela primeira vez em seis meses, eu recebi um salário novamente e pude comprar cuecas, xampu e lenços umedecidos. Prefiro contar que estou numa vibe vegetariana e tenho almoçado saladas apenas. Eu compro tudo e preparo porque aqui no Nordeste as pessoas ainda acham que salada é alface, tomate e cebola, preciso ir nos maiores supermercados da cidade para encontrar outras coisas além disso para poder variar o cardápio. Prefiro contar que faço aniversário na próxima sexta-feira, 31 anos, mas não quero falar que tenho medo de organizar qualquer comemoração e ninguém aparecer. Hoje não quero falar dos problemas, apenas seguir o dia-a-dia, em frente. Acho que algo está se curando, lentamente.

55 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi ... Deletei porque não quis fazer dois comentários ... Sou assim. Abraço !!!

      Excluir
  2. Oi ... Quanto a saga que é a busca por produtos vegetarianos ... Aqui em Curitiba não é muito diferente. Há muito pouco nos supermercados. Nos resta as casas especializadas.
    Agora ... Prefiro que me conte que está "levando a vida", seguindo o dia-a-dia e fazendo coisas que também lhe deixam satisfeito. Como cantar no coro, por exemplo. Mas conte-nos sempre a realidade. Deixe a ficção para a telona. "É um milagre, tudo que Deus criou pensando em você ...". Abraços !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a frase mais bonita do Djavan ever!

      Excluir
  3. a grandiosidade da vida está em pegar o ue a vida fez com você e transformá-lo em algo bonito. Foi o que li nessas linhas, não uma pessoa se fazendo de vítima, mas alguém que, embora reclame da vida, tem buscado ver e viver o lado bom dela. Seja manualmente, criando esse colar novo, ou interno, mudando a alimentação, ou mais ainda, sentindo-se valorizado e comprando coisas tão simples quanto cuecas e lenços umedecidos. E embora vc tenha medo de não ter ninguém comemorando seu aniversário, fique tranquilo que eu estarei fazendo uma prece.
    um beijo menino foxx, aquele que cativa.

    P.S.: Eu comprei espartanos e me senti frustado por não vir com dedicatoria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado por todas as palavras, qrido, e por deixar ser cativado.

      a dedicatória tem que ser pessoalmente, ora. qndo a gente se conhecer, eu assino o Espartanos pra vc. =)

      Excluir
  4. Hummmmmmmmmmmmmmmm... Só salada, amigo?? Cuidado que a anorexia manda lembranças...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. anorexia é objetivo de vida! hehehe
      qrido, nem adianta. gosto muito de comer pra ser anoréxico.

      Excluir
  5. Também quero Espartanos com dedicatória! Como faz?

    E se prefere não falar não fale, mas apenas não minta, não aqui, porque este espaço é teu.

    Torço pra que o que feriu esteja mesmo se curando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. adorei o novo nick, Edu. Então, pra ter com dedicatória vc compra o livro e qndo eu for em SP autografo pro senhor.

      Excluir
  6. Quantas coisas que não queria contar, mas contou. E quantas outras contou porque quis. Eu acho que vc tá é feliz curtindo tudo isso.
    Aquela Luziana [Luzitânia. Luzimara, sei lá], heim? Cheia de baforadas, olhares, cara e bocas, atitudes...Sei não. Qdo li aquela postagem fiquei visualizando a cena..Imaginei a Luzimila igualzinha a garota do vídeo postado lá...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. curtindo eu diria que é uma palavra muito forte, mas não estou desgostando.

      Excluir
  7. Faz uma festinha sim ... todos vão aparecer vc sabe disto ... mas por favor ... não sirva saladas vegetarianas ... rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não, Paulo, eu não sei. este é o problema! é todo o problema! vc acha que eu afirmo isso por que? que quero fazer tipo de sozinho e abandonado? tenha paciência!

      Excluir
  8. “Acho que algo está se curando, lentamente.” Não seria esse o “presente” da Luziara? Talvez os milagres sejam, como tudo no universo, um lento processo... nunca um acontecimento isolado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tenho achado isso sim... que estacura possa ser o presente, mesmo tento tido algumas recaídas durante este processo.

      Excluir
  9. Luziara realmente pode ter falado por parábolas!
    Mudanças, sem dúvida, acontecem.
    Nada é permanente, nem nós ou nossa percepção do mundo. Felizmente.
    Aceitar o rio correndo... e remar como for possível.
    Abração
    P.S.: Belo texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mudanças não acontecem, Alex, infelizmente eu estou no mesmo lugar q eu estava há 4 anos atrás. não aconteceram mudanças, meu sofrimento era todo este porque eu desejava as mudanças, mas de fato eu tenho aceitado a situação que estou, finalmente, e isso sim tem feito diferença.

      Excluir
    2. Se vc reconhece que está mudando, então isso (na minha opinião) confirma que as mudanças acontecem. E uma mudança puxa outra...

      Excluir
    3. é, de fato, pessoas mudam.

      Excluir
  10. Devagar e sempre.
    Amei o post.
    Abraços e lindo fim de semana.
    Obs: Vou querer meu Espartanos com autógrafo tb hein...rs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bem, prometo visitar todos os compradores do livro para autografa-lo!

      Excluir
  11. que bom que tudo esta se estabilizando ^^ Kisses

    ResponderExcluir
  12. Não sei... sinto que algo está mudando, ou vai mudar... os búzios não mentem... (rsrs)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu estou mudando, pelo menos... búzios?

      Excluir
  13. Será que um pouco de esperança esta 'brotando' dentro de você?
    Que coisa boa!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não, não é esperança. sou eu começando a aceitar meu destino.

      Excluir
  14. Carne, Foxx! Precisa de carne e sangue nessa dieta... hehehe! E #fato: Craig é gostoso (ao seu estilo) mas não tem "cara" de James Bons! Hugz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nunca fui muito fã de carne, Fred.

      Excluir
  15. Vai fundo Dr Foxx! Good Vibrations!!!
    Aniversario de 31 tá chegando...
    Não precisa fazer uma festona, mas você merece uma comemoraçãozinha pelo menos, né? Vai, não seja bobo!
    Um jantar com os amigos mais chegados... mesmo que seja uma sessão de cinema em casa com pizza, pipoca, cerveja e risadas.

    Grande abraço pra você meu querido!
    Obrigado por se preocupar... ;)
    Du Paiva..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o problema é esse: existir "amigos mais chegados".

      Excluir
  16. Adorei. Tô mais ou menos na mesma vibe.

    A aceitação é um bom caminho. Não é fácil, mas um dia chegamos lá por completo -- ou não. Como dizem, o importante é a caminhada. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu concordo, Eduardo, aceitação é o melhor caminho.

      Excluir
  17. Life goes on, baby. As vezes não queremos falar algo, outras queremos bradar aos ventos - que seja. E se quiser receitas vegetarianas, só pedir. Apesar de que sou epicurista demais para abrir mão de outros prazeres (gastronômicos!).
    Abraço imenso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, eu tenho abrido mão de diversos prazeres hoje em dia. diversos.

      Excluir
  18. Se não falarmos, se não expurgarmos as coisas, se não as colocarmos a nossa frente como saberemos que elas realmente está passando... engolir problemas causa câncer... Se as pessoas querem ver nossa felicidade terão que ver também nossa infelicidade...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. então fale isso para as pessoas q pararam de ler meu blog pq eu "só reclamo da vida"!

      Excluir
  19. Retorno de Saturno, lentamente...

    ps - a vida é isso aí mesmo: frustrações e realizações. Celebre-a no seu níver, vc merece ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ô, com certeza Saturno. acho q ele finalmente passou. começou aos 29 e foi até os 31.

      Excluir
  20. Ouvi a Gang de Blogsville e parece que depois te tanto tempo apenas lendo, te conheci ouvindo hehehe Muito legal a ideia! E sobre o post, força e boa sorte com a cura, lentamente vai seguindo e a vida prossegue.. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. estou tentando terapias não-convencionais para este processo de cura...

      Excluir
  21. O importante é que me fascinou com sua aparente inconstância (harmônica). Gostei, parabéns. Estou conhecendo agora o blog e gostei da euforia que trouxe para mim. Vou ler os próximos textos. Valeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que gostou! fico muito feliz com isso. volte sempre.

      Excluir
  22. Gostei do seu post, você enfatizou mudanças em sua vida e isso é bom. Beijo!

    ResponderExcluir
  23. É. Organizar aniversário e ninguém aparecer é tenso. Eu que o diga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, já me aconteceu uma vez e não quero repetir.

      Excluir
  24. He-man é passiva com He-man também... #fato!!! Hahahaha!

    ResponderExcluir
  25. Humm Lenços umedecidos muito phino ehehehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. phynno? qndo vc passa o dia todo no trabalho e ainda tem um compromisso no inicio da noite e ainda tem pelo oleosa é fundamental!

      Excluir
  26. Então o sr fez a linha funkeira e ouviu música alta dentro do busão? kkkkkk pelo menos percebeu depois, rs. daí já era.

    Adorei o techo onde vc cita Pessoa. Embora eu od eteste, achei que ficou muito boa a inclusão.

    Bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. apois num foi? fiquei morrendo de vergonha de estar incomodando as pessoas. mas era tarde demais...

      Excluir
  27. se curando ou não, algo está mudando com certeza.
    te amo

    ResponderExcluir
  28. um dia de cada vez, cada coisa a seu tempo. é por aí.

    ResponderExcluir

" Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente."

Ernest Hemmingway