Google+ Estórias Do Mundo: PASSADO: Há algo de podre no reino da Dinamarca

sábado, 30 de dezembro de 2006

PASSADO: Há algo de podre no reino da Dinamarca

Este texto é antigo, mas expressa exatamente o que estou sentindo hoje. Dormi mal. Acordei mal. Estou vivendo mal. Obrigado a todos os meus amigos que estão do meu lado nesta hora, em especial, os reais, Braz, Joshy e Henrique, e os virtuais (mas não menos reais e importantes) Trintinha, Marcelo Sunshine, Shinji e Edu. Obrigado a todos por me escutarem. E deixarem eu chorar nos seus ombros. Por me aturarem.

Há algo de podre no reino da Dinamarca. Hoje pelo menos há. Não estão sentindo? Não percebem energias estranhas se movendo em torno de nós? Questionando quem somos, pra onde vamos, com a mesma tristeza de Hamlet?

Ontem, uma estrela tenebrosa brilhou sobre meu signo, eu senti por volta das 19h, vou ver se foi a lua que entrou em movimento retrógrado ou se Saturno iniciou sua influência insípida, mas existente. Só sei que me fez abandonar a boa vontade com os homens que eu tinha até então. Comecei a achar todos aqueles movimentos de educação, todos os bons-dias, frases sem sentido, quis mandar todos à merda. Só sei que minha paciência com o gênero humano se acabou.

Isso me fez acordar hoje azedo, e olhando para as paredes recém pintadas do meu quarto, sem marcas, nem manchas, vi minha vida meio pálida olhando pra mim.

Acordei desejando sexo, sujeira, beijos e vermelho sangue. Contudo eu estava num quarto branco, coberto com lençóis azuis, vendo fotos de sorrisos e cds com lindas músicas olhando pra mim. Quis destruir tudo. Quis quebrar os espelhos e manchar as paredes com meu sangue. Quis fugir desta realidade tão pura e luminosa que não refletia meu espírito. Mas não pude.

Hoje é um dia para ler tragédias, quero ver sangue e mundos destruídos. Vou agarrar-me a Shakespeare e aos gregos. Hoje quem me procurar vai me encontrar entre o sangue de jovens viúvas.

6 comentários:

  1. foxx,
    você verá, com a idade e o tempo,tudo passa!
    boas entradas !
    tertu

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Não tenho muito o que dizer que realmente valha a pena, mas como eu falo muito...

    Espero que essa maré negra baixe e possas ver novamente os raios de sol iluminando tua vida.
    Não se esqueça do ditado:

    "Depois da tempestade, vem a enchente!"

    Sacanagem! Contudo, quero que possas tomar este momento como mais um aprendizado e oportunidade de crescimento.
    Eu também estou passando por momentos muito ruins, mas tenho algo em que me agarrar. Torço para que também encontres esse algo em que se agarrar. E se demorares em encontrar, lembre desses amigos blogueiros e reais que tanto te querem bem!

    Que possas pegar 2007 pelos chifres e consigas dar a volta por cima logo!

    Abração!

    ResponderExcluir
  3. Olá Foxx, em primeiro lugar, obrigado pela visita, era para eu ter passado por aqui antes, mas estou com problemas no meu computador, então tá meio complicado acessar minhas mensagens.

    Segundo e mais importante, Calma amigo!!!
    Feche os olhos, respire fundo, procure se equilibrar antes de qualquer coisa. Nem sempre acordamos no mundo que gostariamos, ou da forma que gostariamos, mas o que importa é que acordamos!!! Isso significa que ainda há tempo para mudarmos, para procurarmos o que desejamos.

    Se você olhar com "olhos de ver", garanto que mesmo entre a podridão do reino da Dinamarca, você encontrará uma "flor". Existem flores que nascem no lodo e no pantano e elas servem para mostrar que mesmo nessas horas podemos esperar coisas boas.

    Espero que seu dia não seja só de tragédias, espero que você consiga soltar esse "bode" e que possa se preparar para esse novo ano que chega. E já que estamos em Shakespeare, vou citar uma frase que gosto muito e espero que ela possa inspirá-lo também.

    "Não é digno de saborear o mel aquele que se afasta da colméia com medo das picadas de abelhas".
    (William Shakespeare)

    Até mais, Feliz 2007 para você!!! Espero vê-lo em breve.

    "Nas horas graves os olhos ficam cegos. É preciso então enxergar com os corações".
    (Saint-Exupery)

    ResponderExcluir
  4. Lenin querido, vc sabe muito bem que isso passa, pois até uva passa!
    E olha, pode contar sempre comigo, para oq der e vier [sem conotação]
    É para isso que os amigos servem, não?

    Não consigo guardar frases de consolo, muito menos inventar, só sei dizer que estou com vc!

    É algo do mundo, cair e erguer a cabeça, olhar no fim do túnel e descobrir que ele ainda não acabou [puro clichê, não? eheheh]

    Pode contar comigo!
    Abraços e Feliz ano novo!

    ResponderExcluir
  5. nossa... mensagem linda lord.
    vejo que estar com problemas.
    qualquer coisa me procure
    abração
    e que em 2007 você consiga resolver os seus problemas

    ResponderExcluir
  6. Hei Fox,A grande raposa!

    Tudo bem?

    A quanto tempo eu nao passava aqui.

    Enfim,voltei das minhas ferias,e que texto legal.

    Quer saber a verdade do que acho?!

    Na verdade o texto só expressa a realidade em que deveriamos viver,algo do tipo sair da ilusao do mundo perfeitinho,deste mundo igualzinho...

    Gostei disso,me identifiquei bastante.

    Sobre seu Ex tava passando por isso tbm,so que diferentemente eu que terminei,ele ficou triste.

    Mas Fox,ninguem termina por algum acaso,te digo porque eu terminei com meu namorado,porque ja nao tava conseguindo levar masi adiante,tipo eu fazia ele feliz mas eu mesmo nao era feliz.

    Acho que nestes casos nao adianta,eu cheguei terminar com *&%$¨#@# 2 vezs achando que conseguiria voltar a gostar dele,na verdade tudo se agravou depois.

    Ae ninguem ja estava mais feliz,ate que depois de varias discussoes,tentando achar um caminho para a felicidade,eu resolvi terminar,acabando com tudo,mas fazendo ele um pouco triste hj,mas pensando no futuro,para que nao haja maiores atritos futuramente.

    fique em paz,Feliz 2007,supere essa,e parta para outra!

    Abraços.

    ResponderExcluir

" Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente."

Ernest Hemmingway