Google+ Estórias Do Mundo: Sentenças

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Sentenças

, em Natal - RN, Brasil


Eu estava sentado no batente da porta da sala de um amigo, a porta que dava para o pátio da vila em que ele mora em Ponta Negra. Da janela dele era possível ver o mar verde de Natal até onde ele toca o horizonte. O dono da casa estava sentado à mesa do outro lado da sala, um outro amigo estava sentado no lado oposto aquela távola redonda. Foi este que puxou a conversa:
- Entre vocês, gays, têm algum problema se o namorado ficar com uma mulher?
O dono da casa respondeu:
- Olha, comigo, traição é traição. Pouco importa se com homem ou com mulher. Não muda em nada o fato de que ele me traiu.
Eu respondi em seguida:
- Comigo depende. Depende do contrato da relação. Porque se nós combinamos que não haveria outras pessoas na relação isso deveria ser respeitado, porém, p'ra mim, eu não exigira que um namorado meu não ficasse com nenhuma outra pessoa. Fidelidade e exclusividade para mim não são importantes.
Eles me olhavam curiosos neste ponto. Então eu continuei.
- Eu teria facilmente um relacionamento aberto. O que eu exigira, com certeza, seria lealdade, que, por exemplo, caso acontecesse algo com outra pessoa ela me contasse e não mentisse para mim, porque eu vejo que uma base muito mais interessante para um relacionamento não seria a fidelidade, mas a lealdade. E lealdade é diferente de fidelidade.
- De fato, não é a mesma coisa.
Concordou o dono da casa.
- Cada cabeça uma sentença, não é?
Encerrou o outro.

22 comentários:

  1. ...eu exigiria fidelidade também, rs

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que todos tem razão naquilo que disseram. Boas perspectivas e respostas sobre o mesmo problema. ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, João, todos falaram verdades, a sua verdade sobre aquele fato. E todos nós temos o direito de pensarmos diferente e o dever de respeitar a forma diferente do outro pensar, é assim que se propaga a paz.

      Excluir
  3. "- Entre vocês, gays, têm algum problema se o namorado ficar com uma mulher?" Ahm? Oi? comé? tá boa?
    Primeiro, pra meu namorado ficar (me trair) com uma mulher, só têm duas opções, ou ele é bissexual, pq se ele for gay não vai rolar com uma mulher; ou eu sou um personagem da novela das 9, e tem uma vaca querendo roubar meu marido e meu filho.
    Claaaaro, que tem problema meu caro espectador de novelas da Globo. Se nos comprometemos um com o outro, claro que tem!!! Agora, se sentamos, conversamos e decidimos que teríamos um relacionamento aberto, bom... aí não! porque a liberdade que ele teve eu também tive, se não aproveitei, problema foi meu, não dele.

    Fidelidade e exclusividade para mim são importantes rsrs, aliás, pra mim, sempre quando se faz um pedido de namoro ou se aceita um, fica subentendido, que no namoro não haverá outras pessoas. Se houver se fudeu, acabou, não tem volta, no meu caso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem, Ariano, eu não acho que nada nesses casos deve ficar subentendido, eu perguntaria porque não ia querer ser pego de surpresa. Nem no caso de estar num relacionamento exclusivo e não saber como também o contrário. Sinceramente, nada em relacionamentos humanos deveria ser tomado por subententido. Isso costuma dar muita merda.

      Excluir
  4. É bem por aí...
    Eu não gostaria de saber que fui traído. Mas quando se tem uma relação aberta (deixando claro isso) não tem porque reclamar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E existem modelos diferentes de relacionamento né, Anônimo, não podemos considerar que algum é melhor que o outro, acho que cada um funciona pra cada pessoa... não?

      Excluir
  5. Bem, desde que seja combinado anteriormente, nao vejo problema algum em uma relacao aberta.
    Eu, particularmente nao conseguiria manter uma relacao aberta. Sou muito possessivo pra isso e quando to namorando, me entrego de corpo e alma nisso e espero reciprocidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, amigo, olha o preconceito! Vc está pressupondo que em um relacionamento aberto as pessoas não estão se entregando de corpo e alma. E isso não é verdade, não é fidelidade e nem exclusividade sexual que define se alguém está ou não dedicado a vc. Digamos, o cara pode não ficar om ninguém além de vc e não corresponder aos seus sentimentos, não pode? Eu acho que não podemos pressupor que o amor verdadeiro só existe dentro de um único modelo de relacionamento, vc não concorda?

      Excluir
  6. Lealdade é diferente de fidelidade!!! Case closed!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom que o senhor me entende, Fred. =)

      Excluir
  7. verdade, cada cabeça é uma sentença.

    ResponderExcluir
  8. Realmente tudo depende do que foi combinado, fidelidade e lealdade são coisas diferentes, e exclusividade outra mais diferente ainda....mas, para mim, ainda sou adepto da exclusividade e da fidelidade....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, minha experiência em relacionamentos é quase nula, mas eu fico imaginando que tudo funciona como um contrato, tudo tem que ser combinado, se fosse, muitos problemas seriam evitados, muitas brigas de ajuste poderiam ser evitadas.

      Excluir
  9. Oi Fox. Então meu querido, comigo funciona como vc falou. Ou seja, vale o que é acertado entre as partes, como se fosse um contrato tácito. Só que tem um detalhe, pelo menos comigo acontece assim. Já tive varios namoricos de 1 a 6 meses, 1 de ano, 1 de 3 anos e o atual já estou há 6 anos. Baseado nisso eu posso te afirmar que sempre no começo é fácil você firmar esse acordo de fidelidade porque tem o fogo da paixão do começo dos relacionamentos. Eu me lembro que sempre no começo eu nem conseguia olhar para outras pessoas, pq essa paixão era tão intensa que me fazia não ter olhos para mais ninguém. Mas posso te garantir que conforme passa o tempo, por mais que haja variedade e inovação sexual, uma hora acaba ficando meio que lugar comum. A paixão e o tesão incontrolável do começa da lugar a um amor grande, mas mais tranquilo, menos sexualmente tenso digamos assim. Daí nem sempre é facil dizer: olha, eu continuo te amando, ainda tenho desejo por você mas a novidade não é mais tão novidade assim, vamos abrir a relação? No meu caso, eu posso dizer que sequer cogito isso, pq ainda o amo muito e esse amor é capaz de me fazer querer ser fiel, mas confesso que a tentação é forte, e no começo do relacionamento nem tentação existe, rs. Não sei se consegui me fazer expressar. Beijo grande querido e um ótimo fim de semana. Robson / SJCampos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Robson, tudo bom? Uau, vc namora há 6 anos! Que incrível! Parabéns! Eu concordo com tudo que vc falou sobre começo de relacionamentos, etc, etc, etc, mas tem um ponto que eu achei estranho na sua fala. Vc diz que não cogita abrir a relação porque vc ainda o ama muito e esse amor é capaz de fazer vc querer ser fiel, o que vc está dizendo com isso é que quem não é fiel é pq não ama o suficiente. Que o amor de verdade, o amor verdadeiro, não pode existir entre pessoas que tem um relacionamento aberto. Que quem tem um relacionamento aberto é pq necessariamente está no fim do amor, que este sentimento está acabando. Eu discordo completamente disso. Eu não consigo pensar que o amor só existe a partir da fidelidade; eu entendo e apoio quando existe fidelidade por causa do amor, a fidelidade existe por causa do amor, mas o amor não precisa e nunca vai precisar da fidelidade para existir.
      O que eu quero dizer, trocando em miúdos, é que vc só será fiel a alguém que vc ama, pq a fidelidade precisa deste motivo para acontecer; porém o contrário não é verdade. Vc não precisa ser fiel para amar alguém. Esta pretensa lógica é uma invenção do casamento monogâmico heterossexual cristão, está na hora de perceber que ela foi inventada pelos burgueses no século XIX para ressignificar o casamento e evitar a superpopulação proletária. Só acho.

      Excluir
    2. Foxx, concordo com vc em termos. Digo em termos pq acho realmente que podem e devem mesmo existir casamentos abertos com amor e talvez até mais amor do que alguns relacionamentos fechados. Agora, eu respondo o que sinto, baseado em minha história de vida, e baseado no "contrato" que eu e ele acertamos. E pra nós amor e fidelidade estão ligados sim, se está certo ou não , realmente não sei te dizer, rsrs ... Bjos meu amigo e obrigado por sempre nos "provocar" com seus textos tão inteligentes. Robson

      Excluir
    3. Claro, querido, o que serve para vc serve para vc, eu não discuto isso, só acho que precisamos ter cuidado para nunca propor que o que serve para nós vai servir para uma outra pessoa. É sempre perigoso impor a outros o que achamos correto, o que serve para nós, guerras começam por isso...

      Excluir
  10. Respostas
    1. Que bom, assim não me sinto louco.

      Excluir
  11. Foxx:

    MInha vó já dizia: o combinado não sai caro...rs

    Beijo querido.

    ResponderExcluir

" Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente."

Ernest Hemmingway