Google+ Estórias Do Mundo: "É Tudo Puta Mesmo!"

sexta-feira, 2 de julho de 2010

"É Tudo Puta Mesmo!"

, em Belo Horizonte - MG, Brasil
O inverno chegou em Belo Horizonte com um calor que me subia pelas pernas. Então decidi que correr faria um bem a mim e a Pampulha é o melhor lugar para isso. As árvores, o sol deitando seus raios dourados de pôr-do-sol sobre as águas, biguás e galinhas-d'água, além de lindas garças brancas. Bem ao corpo e bem a alma. Mas a Pampulha também é ponto de prostituição, feminina e masculina. A primeira começa suas funções a partir das 16h da tarde. Carros pegam moças em trajes sumários que conversam nas esquinas. A noite é reservada aos homens, os primeiros rapazes chegam as 19h e circulam por lá, mas somente mais tarde tomam seus lugares embaixo de postes da iluminação pública com as mãos nos bolsos e uma pé apoiado no concreto, todos com um risível ar blasé.
Além disso, a lagoa construída pelos sonhos megalomaníacos de JK também serve aqueles que pretendem aliviar seus desejos, mas não gostam (ou não podem) pagar por serviços profissionais. Pegação! Sim, é o que acontece entre as árvores e barrancos, em meio as sombras projetadas pelas árvores frondosas e a luz da lua. É junto com os garotos de programa que chegam para o seu trabalho que os primeiros homens chegam por lá, mas alguns atrevem-se a luz do dia. Passam de carro, lentamente, observando aqueles que passam por lá, correndo ou caminhando, ou sentado na grama esperando a noite chegar. Outros passam a pé, fingem o exercício ou um tempo livre após o trabalho, e estes apertam paus deles ou fixam descaradamente o seu. Mas muitos param, e esperam, até alguém chegar neles ou eles se interessarem em alguém.
Mas como eu dizia eu corria. E meu treino inclue 5km de corrida intercalados com 10km de caminhada. Foi quando passei por um homem alto, que usava um moletom atlético, mas o rosto eu não pude identificar pelas sombras que o início da noite já projetava. Mas senti seus olhos me fitando. Mas eu corria. Contudo um barulho atraiu meu olhar para trás e foi qndo eu vi ele exibindo o pau, com as calças arriadas. Acelerei o ritmo da corrida rápido, pensando: "Isso não está acontecendo, não está, não está!", e tentei esquecer a cena. Foi quando, quilômetros mais tarde, observo um homem se aproximando. Ele vem em minha direção e tira o moletom exibindo o torso sem pêlos e musculoso, peitoral definido e um abdômen talhado a formão, foi quando reconheço: "É o cara que me mostrou o pau?!". Ele passou me encarando, novamente eu corria naquele instante, mas nos segundos que nossos olhos nos encontraram eu entendi que ele tinha pego o carro e me seguido para agora exibir seus outros dotes.
Mas como eu disse eu estava correndo. E corri. Mas não pude me furtar a pensar: "Sério? Era só isso que você tinha a me mostrar? Um pau e um corpo malhado? Mesmo? A técnica Nº 01 não funcionou então vamos ao plano B? Really?!". E continuei correndo, pensando como esse tipo de pessoa só reforça o estereótipo... "é tudo puta mesmo!".



*Inaugurando nova fase aqui no blog.

24 comentários:

  1. é isto querido ... hoje, a vulgarização do erotismo, onde o sexo pelo sexo ganha dimensões e valores além de suas possibilidade leva a isto mesmo ... não estou aqui a dar uma de puritano mas, a mim, incomoda e muito este tipo de assédio barato ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  2. Eles não se poupam e ainda insistem.

    Meses atrás acho q eu não resistiria... Mas d euns tempos pra cá, mesmo sem querer, o foco em outra pessoa me faz achar outras um pouco sem graça.

    ResponderExcluir
  3. Caramba... cara insistente. Erotismo é tão mais que isto... Bj!

    ResponderExcluir
  4. hahahahaha
    lembrei de uma amiga
    "Mauri, vamos no show da Ivete, vai ter muita puta, viado e sapatão!"

    ResponderExcluir
  5. Meu corpo é talhado, maravilhoso, na verdade é fantástico, mas nunca mostrei meu pau em público não!
    Será que chegou a hora?!
    Fica a dúvida!
    See!

    ResponderExcluir
  6. ksskksksksks , o que vc espera nessa hora nesse local , ficpu com cara de cliente horas kskskks.

    ResponderExcluir
  7. Sabe, por isto que eu não corro... rsrsrs. Brink! Mas é fato, muitos parques são assim, aí em BH, em SP ou em qualquer outra cidade. Por isto é sempre bom tomar cuidado, mesmo porque estes caras, sei lá, não devem ser muito assim tão confiáveis... rsrs. Já me mostraram as partes íntimas em algumas situações da minha vida, mas sei lá, eu olho pro lado, finjo que não é comigo e, daí sim, eu saio correndo... hehehehe...

    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  8. só pra registrar:

    meus poemas se reuniram sobre o tema televisão apenas no começo do ano, agora, por uma ordem que não cabe a mim definir, eles já estão se direcionando para o ano 3 do blog

    ResponderExcluir
  9. Fox criatura!

    Eu sabia que tinha algum blog que tinha que visitar hoje, mas não conseguia lembrar... obrigado pela visita lá no Uivos, acabou me lembrando hahaha.

    Pois é, as pessoas tendem a aplicar o que vêem funcionar na prática. Fato que essa tática deve ter um alto índice de aproveitamento nos meios que o cidadão circula... XD

    E não parar de correr.

    Abraços! E obrigado pelos parabéns XD.

    ResponderExcluir
  10. Obrigado pela visita no meu blog ^^

    E parabéns pelo seu blog, muito bom ele. Gosto bastante desses blogs com poucas postagens por mês, mas postagens de qualidade, hehe

    Não tinha outro lugar pra correr não rapaz ? Hehe. Pelo visto ir correr na Pampulha é a mesma coisa que querer fazer sauna em sauna gay, hehe

    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Bom a oportunidade de conversar contigo ontem. Mesmo que no tumulto dos blogueiros. Abs.

    ResponderExcluir
  12. Não consigo ler este texto! Tem um globo girando na esquerda, bloqueando parte do texto!

    ResponderExcluir
  13. Meu caro... é o que falo poucos transmitem a imagem de vulgarização... que é mai notável que pensamos... como dizia meu professor... "Quando um fala bem fala por si só... mas quando este mesmo um fala mal, fala por 10"... E essa nova fase do blog promete render então... saudades dos nossos papos...

    ResponderExcluir
  14. Eu achei todo o relato excitante. No seu lugar eu teria parado e olhado bem nos olhos dele. Dependo do que ele me despertasse eu o chuparia ali, sem pensar duas vezes. Aí, todos vocês acusam: promiscuidade, vulgaridade, perda do erotismo... Vocês realmente conseguem refletir sobre o que dizem? Os conceitos sem a experiência não tem nenhuma validade. O que você realmente sentiu Foxx? No texto inteiro você falou do que pensou, mas como você disse, tudo foi apenas estereótipo, a sua própria abordagem do tema o é.

    Beijos,

    Menino G

    ResponderExcluir
  15. Rs. Fale sériooooooo que ele correu atrás de você de calças arriadas e mostrando la jeba? Aiai, isso não acontece comigo (se bem que dá medooooo)

    PS> to precisado!

    -------
    OK, verdade é que eu correria 3 vezes mais rápido.

    ResponderExcluir
  16. Já ouvi MUITAS histórias sobre esta orla da Lagoa da Pampulha. Quase todas neste nível. Questão de gosto (?) ou de necessidade(!). Abs.

    ResponderExcluir
  17. ainda acho que vc devia ter pego fofo
    vai que dá casamento
    hahahahahaha

    ResponderExcluir
  18. O nome disso aqui é Parque do Ibirapuera.

    ResponderExcluir
  19. Engraçado é que o local em si é tão mais excitante do que a abordagem do personagem coadjuvante. Tb ficaria apavorado. Assim não rola.

    bj

    ResponderExcluir
  20. Nunca aconteceu algo do tipo comigo. No máximo o cara alisa o pau duro, ainda na calça, e me encara. Mas eu sempre tenho medo. As pernas tremem mais que vara verde e nada, asbolutamete nada, sobe. Acho que prefiro o flerte convencional...

    ResponderExcluir
  21. ahhh, espero que nos vejamos mais no msn...hehe

    abção

    ResponderExcluir
  22. e pra esse tipo de pessoa, será sempre a tatica numero 1. nao existe 2 ou plano B. ja q nao tem inteliencia suficiente pra flertar, acham q exibindo seus corpos talhados se darao bem. tem gente q gosta e cai nessa. outros nao.
    pra mim, antes de um corpo, precisa mostrar que tem um cerebro...

    abraços
    voy

    ResponderExcluir
  23. eu corria tbm
    pra cima dele
    hahahahahahha
    se ele é isso tudo
    é pecado desperdiçar
    hehe

    ResponderExcluir

" Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente."

Ernest Hemmingway